26 de agosto de 2009

Voltando para casa



É meio estranho dizer que voltar para casa seja voltar para Dubai; mas é verdade. Apesar de eu ser brasileira, amar meu país, sentir muitas saudades de todos, no momento Dubai é minha casa e confesso que senti falta de estar no meu espaço.

Depois de muitos encontros, almoços, abraços, chopps, é hora de voltar. Viajei pela Air France, fazendo conexão em Paris (o voo da Emirates estava lotado). Nosssaaaaa, que viagem mais cansativa: 11h RJ-Paris + 5 horas mofando no aeroporto + 6h40 Paris-Dubai. E, para deixar a aventura ainda mais "interessante", alguns outros detalhes:.

-Ambos os voos LOTADOS, sem nem um lugarzinho vazio para se esticar de vez em quando;
.
-Chegando em Paris, consegui perder meu passaporte no avião por 20 minutos (desesperadores, por sinal). Pensei: só eu consigo fazer isso. Quando a aeronave pousou e todos já estavam de pé, aguardando aquela eternidade para a porta abrir, foi dito que deveríamos apresentar o passaporte na saída do avião. Fui pegá-lo na bolsa (cheiaaaa de coisa); com ele nas mãos, resolvi checar meu bilhete para Dubai. Nesse meio tempo, o passaporte SUMIU! Procurei tudo: virei a bolsa de cabeça para baixo, olhei na poltrona, no chão... Comecei a suar frio, já pensando nas consequências desse ato imbecil. Na verdade, que ato? Não fiz nada. Ele estava ali e, de repente, desapareceu. Uma onda de calor me atingiu, fui tirando pashmina, casaco, tudo... Fiquei esperando o povo descer, para procurar com mais "calma". Quando já estava mais vazio, chamei o comissário (que não falava português, óbvio). Começamos a procurar e eu, a essa altura, tremendo, CLARO, e quase chorando. Eu estava sentada na poltrona do corredor, no meio do avião. Um pouco mais a frente, nas poltronas do canto, tinham 2 adolescentes brasileiros que ainda estavam no avião. Eles nos perguntaram: "sumiu o passaporte?" Eu disse que sim e eles me entregaram, dizendo que estava 2 poltronas na frente da minha. UFAAAAA!!!! Sei lá como ele foi parar lá, mas é certo que vou ter que dar váriosssss pulos e gritos para São Longuinho!
.
-Passado o susto, começou a maratona para chegar no portão de embarque do próximo voo que, claro, era lá do outro lado do aeroporto, com direito a pegar ônibus e tudo. Até chegar lá, tive que passar por três raios-x: só faltou pedirem para eu tirar a roupa. A pessoa encarregada vasculhou TUDO! Abriu até minha carteira que estava na bolsa. Elogiou minhas havaianas e, para não perder o serviço, reteve meu socador de carne que comprei na loja de R$1,99 (que, aliás, nunca tem nada que custa R$1,99). Poxa, ele era tão inofensivo. Trouxe do Brasil porque aqui todos são muito caros, não valem o custo-benefício; afinal, só preciso dele para dar umas pancadinhas nos bifes de frango...rs
.
- O segundo voo foi bem, sem atrasos. Cheguei em Dubai, tranquilo, pensei: mais 30 min estou em casa. Doce ilusão. Já na esteira, esperando a mala: 10min, 20 min, nada. 30 min depois chegou a primeira mala. Mais 10 min e cadê a outra mala??? Acabaram as malas da esteira e nada da minha mala. Saco, era só o que faltava!!!! Lá vou eu para a fila de reclamações, quase meia-noite, para registrar o sumiço da outra mala. Ah, tranquilo...o que é ficar 30 min na fila esperando para quem já estava viajando há 25h?
.
Quando achei que minha situação era ruim, prestei atenção no cara ao lado: também vindo de uma conexão, ficou sem mala nenhuma e, pior, sem suas chaves da casa, carro, etc., pois estavam na mala. Pior que isso: teve que ouvir piada do cara que recebia a reclamação que, rindo, disse "também, quem é que coloca as chaves de casa na mala???"Até concordo, mas por favor, né?!
.
Isso tudo foi ontem. Fui dormir perto das 2h da manhã e levantei às 7h, tentando descobrir onde eu estava...ahahaha. É verdade, acordei sem saber direito onde estava, engraçado isso. Agora estou aqui, colocando a casa em ordem, escrevendo esse post - tentando não babar aqui no teclado - e aguardando a minha mala. Disseram que ela chegaria hoje aqui em casa. O pior é que dentro da mala estão várias coisas preciosas como, por exemplo, meu álbum de casamento! Nossa, depois do PARTO que foi para conseguir fazer a fotógrafa me entregar, só faltava essa! Mas isso é assunto para outro post...
.
Morais da história: cuidado com conexões da Air France, especialmente quando a bagagem vai direto para o destino final; nunca deixe as chaves ou as coisas mais relevantes na mala que será despachada; nunca viaje com um socador de bifes de frango de alta periculosidade.
.
Vou descansar...Bjs, Ju.

8 comentários:

tonos30eagora disse...

OIe Ju, que bom q a viagem correu tudo bem. Mas porque raios tu colocou o batedor de bife na bolsa? Porque nao despachou na mala? Claro a outra não a que não chegou ainda ... hehehehe
Espero q a mala chegue logo.
bjkasssss

tonos30eagora disse...

OIe Ju, que bom q a viagem correu tudo bem. Mas porque raios tu colocou o batedor de bife na bolsa? Porque nao despachou na mala? Claro a outra não a que não chegou ainda ... hehehehe
Espero q a mala chegue logo.
bjkasssss

Georgia disse...

Ju, mas olha, socador de bife na mala de mao? Mas num passa mesmo; eu uma vez deixei o alicate de unha na mao e minha sorte foi que eu tinha uma mochila do Daniel comigo e enfiei o alicate ali, corri e despachei como mala, pois nao passa nem alicatinho...eles alegam que é por causa da seguranca dentro dos avioes e eu concordo com eles viu. Tem muita gente louca que pode fazer de tudo. Antigamente até os talheres eram de metal e hoje em dia eles o substituiram pelos de plásticos por causa da seguranca;

Veja esse meu post aqui:

http://saia-justa-georgia.blogspot.com/2009/08/malas-bagagens-e-servico-em-aeroporto.html

postei sobre o assunto de extravio de malas na segunda feira e lá coloquei um video perfeito, assista.

Que bom que vc está de volta, já estava vindo aqui reclamar sua presenca;

E essa coisa de onde é mesmo a minha casa e onde eu estou ao acordar, tb tenho isso até hoje mesmo depois de 15 anos por aqui;

Beijos e depois nos conte a cena do álbum e a chegada da mala...

Mel disse...

Nossaaaaaaa,eu imaginei vc como eu,com a bolsa lotada de tranqueiras e procurando o passaporte,eu sempre faco isso,me atrapalho,nunca acho meus documentos de primeira dentro da bolsa,ja aconteceu comigo de estar na fila do checkin com o passaporte epassagem na mao e chegar a minha vez e eu soh entregar o ticket sem total explicacao ate hoje,o passaporte simplesmente sumiu como magica e eu passei o maior carao na frente da atendente metidissima da Emirates,depois de uns desesperadores minutos revirando minha bolsa achei ele no meio de uma agenda,ninguem me explicou como ele parou la mas enfim,viajei,coisas estranhas acontecem na nossa vida kkkkkkkk.
Mas ok,que bom que vc esta de volta pra casa,espero mais posts sobre a cidade dos meus sonhos,beijooooo

Amanda disse...

Bem vinda a Dubai!
Esse vôo via Paris é matador mesmo! Já fiz conexao na europa algumas vezes - por Londres, Frankfurt e Paris - e essa é realmente a opcao mais cansativa..

Uma vez minha mala sumiu, só que a esperta aqui foi do voo (que eu estava trabalhando) direto pro aeroporto pra viajar de passageira.. ou seja, meu uniforme foi na bagagem. Minha mala sumiu, eu tinha voo no dia seguinte e nao consegui recuperar o uniforme, tive que ligar pra gerente pedindo pelamordedeus pra me colocar em outro voo... uma confusao! Agora eu já aprendi a colocar os itens "imperdiveis" na mala de mao.. (e eu considero um socador de carne um item imperdivel...haha.. brincadeirinha!!)

Dona do Blog disse...

Pois é, meninas...desesperador...heheh. Enfim, acho que estou conseguindo viver bem sem o socador :)

ps.: Amanda, v. também está em Dubai, né? Ah, me fala mais sobre você! Há quanto tempo está aqui? etc, etc, etc...Se preferir, podemos nos falar por email.

Bjs, Ju.

Fabio Azul disse...

Li o post com entusiasmo! Muito bom e que ótimo que a mala chegou no dia seguinte... !

Priscila disse...

Ai, eu já perdi minha mala duas vezes - desesperadoras. Mas sempre reapareceram, ufa!